UMA SOLUÇÃO ALGORÍTMICA PARA O IMPASSE NO SEQUENCIAMENTO DE TAREFAS NA GESTÃO DE PROJETOS DE TI QUE UTILIZAM A METODOLOGIA ÁGIL SCRUM

Daiane Almeida Oliveira, Irapuan Glória Júnior

Resumen


A gestão de projetos de TI está mudando e incorporando metodologias ágeis como forma de tornar as entregas mais rápidas dos sistemas, além de tornar as equipes de desenvolvimento mais flexíveis e auto gerenciáveis, permitindo que suas tarefas sejam definidas e discutidas antes de serem executadas. Este trabalho tem como objetivo apresentar os critérios para o sequenciamento de tarefas por meio de um algoritmo que auxiliar o time de desenvolvimento nas definições das atividades e priorizações na aplicação da metodologia ágil Scrum. A pesquis possui natureza qualitativa e utilizou a metodologia de Design Science Research com coleta de dados proveniente de entrevistas semi-estruturadas. O resultado foi uma lista de requisitos e um algoritmo para a escolha e priorização das atividades e um protótipo conceitual. As contribuições para a prática estão na utilização do algoritmo e protótipo para auxiliar os gestores de projetos de TI a melhoria da escolha de atividades para as Sprints. A contribuição teórica está na contribuição de formas alternativas de escolha das atividades que estão ausentes no guia Scrum.

Palabras clave


Scrum; Desenvolvimento; Metodologia Ágil; Algoritmo; Gestão de Projetos de TI

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))

Referencias


(1) PMI. "Project Management Body of Knowledge Guide". Pennsylvania: Four Campus Boulevard; 2017.

(2) Kerzner H. "Gestão de projetos: as melhores práticas". Porto Alegre: Bookman; 2010.

(3) Glória Júnior I, Chaves MS. "Novos Riscos para a Gestão de Projetos de tecnologia da Informação com Equipes Locais". Iberoamerican Journal of Project Management (IJoPM). 2014;5(2):16–38.

(4) Schwaber K. "SCRUM Development Process". In: Sutherland DJ, Casanave C, Miller J, Patel DP, Hollowell G, organizadores. Business Object Design and Implementation [Internet]. Springer London; 1997 [citado 27 de agosto de 2013]. p. 117–34. Disponível em: http://link.springer.com/chapter/10.1007/978-1-4471-0947-1_11

(5) Sutherland J, Schwaber K. "The definitive guide to scrum: The rules of the game". 2013; Disponível em: www.scrum.org

(6) Glória Júnior I, Chaves MS. "Identification and Mitigation of Risks in it Projects: A Case Study During the Merger Period in the Telecommunications Industry". Revista de Gestão e Projetos-GeP. 2017;8(3):01–17.

(7) Varaschim JD. "Implantando o SCRUM em um Ambiente de Desenvolvimento de Produtos para Internet". Monografia em Ciência da Computação do Departamento de Informática da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. 2009;

(8) Dingsøyr T, Dyba T, Moe NB. "Agile software development: an introduction and overview". Agile Software Development. 2010;1–13.

(9) Glória Júnior I, Oliveira R, Chaves M. "A Proposal for Using Web 2.0 Technologies in Scrum". 2014;

(10) Sommerville I. "Software Engineering. 10o ed". India: Pearson; 2015.

(11) PRESSMAN RS. "Engenharia de software, uma abordagem profissional–8a Ed–AMGH Editora Ltda". Porto Alegre–RS-2016. .

(12) Pressman R. "Software Engineering: A Practitioner’s Approach. 8o ed". New York: McGraw-Hill Education; 2014.

(13) Glória Júnior I, Chaves MS. "Analyzing Risks of Scope and Organizational Risks in IT Projects: A Case Study during the Merger Period in the Telecom Industry". Journal of Information Technology Management. 2015;26(4):1.

(14) Paldês RA, Calazans ATS, Mariano AM, Castro EJR, Silva B. "A utilização da linguagem natural na especificação de requisitos: um estudo por meio das equações estruturais". In: XIX Ibero-American Conference on Software Engineering-Workshop on Requirements Engineering (WER). 2016. p. 365–378.

(15) MACHADO F. "Análise e Gestão de requisitos de software: onde nascem os sistemas.[Sl]: Editora Érica, 2011". Citado na. :31.

(16) Laudon KC, Laudon JP, Marques AS. "Sistemas de informação gerenciai". Pearson Educación; 2004.

(17) Sato DT. "Uso eficaz de métricas em métodos ágeis de desenvolvimento de software". Instituto de Matemática e Estatística, Universidade de São Paulo, São Paulo. 2007;139.

(18) Beck K, Beedle M, Van Bennekum A, Cockburn A, Cunningham W, Fowler M, et al. "Manifesto for agile software development". 2001;

(19) Sommerville I. "Software engineering". Boston: Addison Wesley; 2006.

(20) Cockburn A. "Crystal clear: a human-powered methodology for small teams". Pearson Education; 2004.

(21) Stapleton J. "DSDM: Business focused development". São Paulo: Pearson Education; 2003.

(22) Palmer SR, Felsing M. "A practical guide to feature-driven development". Pearson Education; 2001.

(23) Poppendieck M, Poppendieck T. "Lean Software Development: An Agile Toolkit: An Agile Toolkit". Addison-Wesley; 2003.

(24) Beck K, Gamma E. "Extreme programming explained: embrace change". addison-wesley professional; 2000.

(25) Sabbagh R. "Scrum: Gestão ágil para projetos de sucesso". São Paulo: Editora Casa do Código; 2014.

(26) Sabbagh R. "Scrum: Gestão ágil para projetos de sucesso". São Paulo: Editora Casa do Código; 2014. 270 p.

(27) Buckl S, Matthes F, Monahov I, Roth S, Schulz C, Schweda CM. "Towards an agile design of the enterprise architecture management function". In: 2011 IEEE 15th International Enterprise Distributed Object Computing Conference Workshops. IEEE; 2011. p. 322–329.

(28) Oliveira E, Lima R. "Estado da arte sobre o uso do Scrum em ambientes de desenvolvimento distribuído de software". Revista de Sistemas e Computação-RSC. 2012;1(2).

(29) Theóphilo CR, Martins G de A. "Metodologia da investigação científica para ciências sociais aplicadas". São Paulo: Atlas. 2009;2(104–119):25.

(30) Nunamaker Jr JF, Chen M, Purdin TD. "Systems development in information systems research". Journal of management information systems. 1990;7(3):89–106.

(31) Gil AC. "Métodos e técnicas de pesquisa social. 6o ed". São Paulo: Atlas; 2008.


Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


Iberoamerican Journal of Project Management (IJoPM). ISSN 2346-9161(Online). www.ijopm.org. Correo: journal.ijopm@gmail.com.

Recomendamos utilizar el navegador Google Chrome. Recomendamos o uso do navegador Google Chrome. Recommend using the Google Chrome browser.